Fato Macaco multifunções – Poliéster reciclado a partir de garrafas de plástico

Fato Macaco multifunções – Poliéster reciclado a partir de garrafas de plástico

É num ritmo forte e acelerado que a Unifardas está a preparar a sua participação no projeto iTechstyle Green Circle – Sustainability Showcase. É através da criação de um coordenado multifunções, inspirado no vestuário de trabalho moderno, na economia circular e na sustentabilidade ambiental que nos envolvemos nesta participação. O coordenado é constituído por um fato macaco e a parte superior de uma jardineira, o que possibilita a transformação num avental reversível, feito com uma gama de tecidos Ecogreen.  Aliás, este tecido é sustentável , feito com 35% Lyocell (fibras de madeira de origem sustentável) e 65% poliéster reciclado mecanicamente a partir de garrafas de plástico.

De modo a contextualizar o desenvolvimento deste conceito e deste tipo de vestuário gostaríamos de lhe dar a conhecer o projeto iTechStyle Green Circle – Sustainability Showcase .  Ademais, esta é uma iniciativa que visa promover, a excelência dos produtos têxteis portugueses ao nível da sustentabilidade e da economia circular. Assim sendo, o desafio é direcionado a empresas com projetos de inovação que evidenciem uma componente de responsabilidade ambiental, tal como a integração dos princípios da economia circular.

Dessa forma, a iniciativa organizada pelo CITEVE, em parceria com a Associação Selectiva Moda e curadoria de Paulo Gomes, procura apenas artigos com características devidamente comprovadas e certificadas. Deste modo, este e outros projetos vão ser apresentados nos showcases organizados pelo Green Circle, primeiramento no Modtissimo – a ter lugar entre os dias 23 e 24 de Setembro na Alfândega do Porto – e posteriormente em showcases nas principais feiras têxteis internacionais.

 O Fato macaco que se transforma em Jardineira e Avental

Tendo como ponto de partida a área da Hotelaria e Restauração, duas das áreas de atividade que foram mais impactadas pela pandemia Covid-19, levamos como desafio a criação de algo que servisse as necessidades destas áreas de atividade no mundo pós COVID-19.

Sendo assim, criamos uma peça de vestuário multifuncional que permite uma utilização variada através da sua transformação. Este coordenado promove peças que permitem a adaptação às várias atividades dentro da hotelaria e restauração através da sua transformação em diferentes utilizações com diversas funcionalidades.

Fato macaco, jardineira e avental sustentável
Coordenado composto por um fato macaco e a parte de cima de uma jardineira o que possibilita a transformação para um avental reversível. Conforto, sustentabilidade, multifuncionalidade inovação é o mote para esta coleção.

 

A polivalência deste fato macaco multifuncional é possível através da utilização de acessórios tais como molas, mosquetões, argolas, fivelas e fechos que facilitam a construção e desconstrução da peça de uma modo rápido, dinâmico e eficaz. Dessa forma, pormenores e detalhes tais como: bolsos que permitem a arrumação e organização dos objetos e pespontos em contraste que tornam a imagem mais elegante estão representados neste coordenado.  De maneira idêntica, a paleta de cores estipulada (preto, cinzento e vermelho) remete para a imagem da Unifardas sendo cores extremamente atuais e elegantes.

Esta coleção foi criada para trabalhadores que têm a necessidade de serem versáteis e inovadores sem nunca esquecer o conforto, a segurança, a qualidade, a adptação e a simplicidade. Este é um coordenado de fácil manutenção que se adapta à ocasião e ás necessidades de quem o pretende usar.

Peças que mudam em função do gosto e das necessidades do utilizador.

Acima de tudo é um vestuário profissional multifuncional, inovador e sustentável – o fato macaco que se transforma em jardineira e avental

  65% Poliéster reciclado a partir de garrafas de plástico e 35% Lyoncell fibras de madeira de origem sustentável

Adotando a Unifardas uma estratégia de sustentabilidade ambiental, o desenvolvimento deste coordenado inovador tem uma grande preocupação na defesa da sustentabilidade. Assim sendo, usamos a linha de tecidos Ecogreen. Esta é uma linha de tecidos sustentável mas que também eleva o conforto do usuário a um nível mais elevado – uma combinação única. Estes tecidos são fabricados com fibras 100% biocelulósicas de madeira FSC e 100% poliéster reciclado mecanicamente a partir de garrafas de plástico. Além disso, estes tecidos possuem um alto teor biocelulósico, proporcionando um toque muito suave e elasticidade incomparáveis.

Este é um tecido resistente, possuindo altas propriedades mecânicas e apresenta uma excelente capacidade de retenção de cor, garantindo uma aparência duradoura mesmo após repetidas lavagens industriais.

fato macaco feito com tecidos sustentáveis
Fonte: Tencate Fabrics

 

Vantagens fornecidas pelas fibras de Lyoncell

Na última década, as fibras de Lyoncell têm vindo a ser introduzidas no mundo do vestuário de trabalho. Uma das razões principais para o uso desta fibra prende-se com a consciência ambiental na indústria têxtil. Assim sendo, o Lyoncell é uma alternativa interessante ao algodão. Saiba quais as vantagens em usar esta fibra:

  • origem sustentável
  • tem uma melhor evaporação da humidade, resultando daí uma sensação mais seca e confortável
  • fornece um toque macio na pele; as fibras de Lyocell têm uma superficie mais lisa, tornado-se mais agradável na pele
  • alto desempenho de cor: as fibras possuem altas propriedades mecânicas e excelente capacidade de retenção da cor, mesmo após repetidas lavagens industriais
  • altamente durável

A adoção desta fibra na produção de vestuário de trabalho é mais um passo na defesa da sustentabilidade ambiental. Um dos valores pelo qual nos regemos é pelo compromisso na defesa do meio ambiente. Deste modo estamos a adotar estratégias e medidas para que possamos contribuir ativamente para a redução da pegada de carbono de toda a nossa cadeia de abastecimento

Como é que uma garrafa de plástico é transformada em tecido

Esta coleção de tecidos sustentáveis que utilizamos neste coordenado é originada com fibras de poliéster recicladas mecanicamente feitas com garrafas de plástico misturas com fibras de Lyocell.

Mas como é que uma garrafa de plástico é transformada em tecido? 

  1. Neste processo de reciclagem das garrafas PET, o plástico é transformado em fibras de poliéster. Para que isso aconteça, o primeiro passo é recolher uma grande quantidade de garrafas de plástico que passarão por um processo de lavagem, moagem e secagem. Após essas etapas o PET é transformado num produto que se designa de Flake (floco, objeto ou partículas de pequenas dimensões).
  2.  No próximo passo o Flake é fundido a uma temperatura de 300º C e filtrado de modo a eliminar resíduos sólidos, pedras e metais
  3. Depois de ser resfriado com água, o material é encaminhado para um procedimento de granulagem. O produto é novamente exposto a uma temperatura elevada, tornando-se numa pasta
  4. Esta pasta, por fim, passa por uma bomba com saída que contém microfuros que vão separar o material em fibras
  5. Ao sair da bomba, o material é armazenado em tambores – já em formato de filamentos. Por fim, as fibras de plástico passam por um processo de secagem e são embaladas em fardos
  6. Nesta etapa o produto está pronto para ser transformado em fios.
processo de transformação de garras de plástico em tecido sustentável
Fonte: Tencate Fabrics

 

Sabia que para fabricar um Uniforme Médico do tamanho M são necessárias 27 garrafas de plástico de 1/2 litro? 

Tecidos sustentáveis usados pela Unifardas

Partilhe: